Urologistas de Alagoas pedem descredenciamento de planos de saúde

Os planos de saúde de Alagoas estão sem urologistas. Os médicos do Estado pediram o descredenciamento dos planos de saúde e desde 1º de abril, não estão mais atendendo,  tanto para consulta quanto para procedimentos cirúrgicos. A informação foi dada pelo presidente do Sindicato dos Médicos de Alagoas, Wellington Galvão, que participou como palestrante do V Seminário Médico-Mídia, realizado neste final de semana no Rio de Janeiro.

Segundo ele, outras especialidades como a pediatria, cirurgia vascular, cirurgia geral otorrinolaringologia, oftalmologia também estão se organizando para adotar a mesma medida.

“os planos estão pagando honorários que não cobrem os custos do consultório, enquanto as seguradoras estão ficando cada vez mais ricas. Os  médicos não podem continuar financiando os grupos”, disse ele que apóia o movimento.