Novas regras para a cirurgia plástica

A Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica prepara novas normas de segurança para o paciente.

Entre as novas recomendações estão a limitação do número de procedimentos a serem feitos em uma só cirurgia, a definição de exames exigidos antes da operação, as restrições para procedimentos em adolescentes e a definição do tipo de anestesia para cada caso.

Segundo a sociedade, a revisão é necessária em função dos avanços tecnológicos e do aumento no número de plásticas, além dos casos de mortes.

A finalização do protocolo deve acontecer até o final do ano, quando será realizado o congresso brasileiro de cirurgia plástica, em novembro.