SGOB lança o seu 2º Manual durante o 49º Congresso de Ginecologia e Obstetrícia do DF

Na quarta-feira, dia 14 de junho, a Associação de Ginecologia e Obstetrícia do Distrito Federal (SGOB) lançou durante o 49° Congresso da especialidade, o seu 2º Manual, que traz informações importantes de renomados especialistas que contribuíram com o envio de seus artigos.

O presidente da SGOB, Dr. Jean Pierre Barguil, avaliou a importância da publicação para os médicos. “É onde reunimos o que temos de melhor dos ginecologistas de Brasília e colocamos nesse livro, para que de uma forma científica e técnica possamos aproveitar da melhor maneira para as nossas pacientes, com todo esse conhecimento existente”, disse.

manual 2

Dr. Jean reforçou a representatividade que o livro tem para os associados da SGOB. “O aprendizado é voltado objetivamente para o contato direto com as nossas pacientes. Tudo isso só vem a fortalecer e trazer um bom e tranqüilo atendimento para as mesmas”.

Dra. Walquiria Quida, diretora financeira da SGOB e editora do 2º Manual da Associação, também opinou sobre a obra. “Foi um projeto que a gente fez pela primeira vez em 2010, quando lançamos a 1ª edição. Como foi bastante completo em relação a várias sub-especialidades dentro da ginecologia, o presidente atual da SGOB concordou em fazer a 2ª edição, que está maior, mais atualizada e  tem o foco para acadêmicos, residentes e médicos que atuam na área há muito tempo”.

A médica aproveitou a oportunidade para fazer uma avaliação do atendimento à mulher pelos médicos brasileiros. “A proposta do Congresso e do Manual é para isso, para que melhoremos o atendimento às mulheres de um modo geral. As pessoas estão mais conscientes, mas quando a gente fala da rede pública, isso é mais complicado por conta da crise financeira que comprometeu a saúde, mas em termos de conhecimento, estamos sempre levando o melhor”, destacou.

Por fim, o Dr. Frederico Corrêa, que faz parte do Conselho Consultivo da SGOB e também é um dos autores do 2º Manual da Associação, explanou a sua opinião sobre o livro. “O Manual é importante porque ele serve de modelo de atualização para os ginecologistas de Brasília e os residentes que estão em formação, para pesquisar assuntos voltados à área, como um padrão de condutas”.

Com projeto editorial, capa, diagramação e revisão da Luan Comunicação, o 2º Manual da SGOB estará disponível no stand da Associação durante o seu Congresso, que acontece até o dia 16 de junho, no Centro Internacional de Convenções do Brasil. O livro tem 48 capítulos e 704 páginas.