pressão arterial

Nutricionista dá dicas para o controle da pressão

A hipertensão arterial é considerada um dos graves problemas de saúde pública no Brasil e ainda um dos principais motivos que levam a doenças cardiovasculares. O excesso de peso e a alimentação inadequada são alguns dos principais fatores que contribuem para o agravamento da doença, que também pode estar associada ao sedentarismo, genética, tabagismo, consumo excessivo de álcool, gordura e produtos industrializados.

De acordo com a nutricionista do Instituto de Câncer de Brasília, Michelle Mendes, o tratamento não medicamentoso que compreende mudanças no estilo de vida é recomendado em todos os estágios da doença, contribuindo bastante para o controle da pressão arterial.

F_C_4156

Michelle Mendes – Nutricionista CRN/1: 9150

A nutricionista dá algumas dicas importantes:

– Mantenha o peso adequado, se necessário mudando hábitos alimentares.

– Reduza o consumo de sal, evitando principalmente o saleiro a mesa.

– Pratique exercícios físicos com regularidade.

– Evite o consumo de bebidas alcoólicas.

– Não fume.

– Evite o consumo de alimentos ricos em sal como carnes processadas, embutidos, enlatados, temperos prontos e salgados de pacote.

– Aumente o consumo de alimentos ricos em potássio como feijão, ervilha, aveia, folhosos verde escuros, banana, abacate, etc. O potássio exerce um efeito positivo no tônus vascular contribuindo para a redução da pressão arterial.

– Substitua o sal por temperos naturais como alho, cebola, orégano, salsa, cebolinha e etc.

Uma excelente opção também é trocar o sal comum pelo sal de ervas. Basta misturar partes iguais das seguinte ervas secas: alecrim, manjericão, orégano e salsinha e sal rosa. Bata tudo no liquidificador e guarde em um pote de vidro bem fechado e use sempre que precisar.

 

 

50% dos hipertensos desconhecem que tem a doença

Campanha “Conheça sua pressão arterial”, da Sociedade Brasileira de Hipertensão, busca conscientizar a população sobre importância da doença

Blood pressure measuring studio shotEstima-se que 50% das pessoas com pressão alta não sabem que possuem a doença, e dos que sabem apenas 25% são aderentes ao tratamento. Em função disso, e com o objetivo de conscientizar a população sobre a importância de se conhecer e entender os valores da pressão arterial, a Sociedade Brasileira de Hipertensão, em parceria com o Departamento de Hipertensão Arterial da Sociedade Brasileira de Cardiologia, lança a Campanha 2014: “Conheça sua pressão arterial!”.

A hipertensão atinge em média de 30% da população brasileira, chegando a mais de 50% na terceira idade e está presente em 5% das crianças e adolescentes no Brasil, é responsável por 40% dos infartos, 80% dos acidentes vascular cerebral (AVC) e 25% dos casos de insuficiência renal terminal. No mundo, cerca de 7 milhões de pessoas morrem a cada ano e 1,5 bilhão, adoecem por causa da pressão alta.

As graves consequências da doença podem ser evitadas, desde que os hipertensos conheçam sua condição e mantenham-se em tratamento. “Nosso objetivo é fazer com que as pessoas compreendam o que significa os valores da pressão arterial, e como eles têm implicação direta na saúde e qualidade de vida de cada um, além é claro de incentivar que o exame torne-se um hábito”, explica Dra Frida Plavnik, diretora científica da Sociedade Brasileira de Hipertensão e coordenadora da campanha.

*Com informações da Sociedade Brasileira de Hipertensão